terça-feira, 24 de junho de 2014

Bug: Lista de leitura do blog não funciona

Quem acompanha a lista de leitura do Blogger, está encontrando dificuldades para visualizar mais de uma postagem na primeira página de acesso ao painel do Blogger. Além de exibir apenas um post, ao clicar em visualizar mais, a página informa "carregando" mas não exibe nenhuma outra postagem.


A lista de leitura do Blogger é baseada no gadget seguidores do Google Friend Connect e fuciona como um leitor de feeds dos blogs hospedados na plataforma do Google, já que a ferramenta foi desabilitada para blogs hospedados em outros servidores. Assim, quando o usuário se inscreve para seguir um blog, a lista de leitura irá exibir todas as atualizações feitas nesses blogs. Permitindo ao leitor, acompanhar a atualização dos seus blogs favoritos. E é isso que não está funcionando.

Essa lista de leitura é baseada no gadget seguidores do Google Friend Connect, que não recebe atualização há um bom tempo. Por isso, ela pode apresentar algumas inconsistências, já que a plataforma do Blogger vem sendo atualizada. O ideal é acompanhar o blog por um leitor de feeds como o Feedly, assim você não ficará na dúvida se as suas postagens estão ou não sendo enviadas para o feeds.

Gostamos de acompanhar as publicações feitas em nossos blogs favoritos, mas as mídias e os rumos das redes sociais mudaram um pouco e, para não perder nenhuma atualização, é importante buscar outros meios de acompanhar sites e blogs. Por isso, veja como me tornei uma leitora de feeds fidelizada e busque mais alternativas.

Conforme informado pela Guia Nicole no Fórum do Blogger, a equipe do Blogger já está ciente do problema e trabalhando para que ele seja resolvido o mais rápido possível. Assim que tivermos uma atualização a respeito, compartilharemos neste artigo.

Você também não está conseguindo visualizar a lista de leitura do Blogger?
Continue lendo ►

terça-feira, 6 de maio de 2014

Como atualizar as opções de recuperação de conta do Google para não perder o blog

A conta de acesso ao blog é a conta mais importante do mundo. É por isso que não podemos deixá-la à mercê da sorte e, principalmente, da nossa memória, que cá entre nós: vai ficando cada dia pior! Manter as informações atualizadas é questão de vida ou morte para o seu blog. Diariamente, vejo blogueiros lamentando que perderam o acesso ao blog e que não lembram mais a senha. Pior! Não tem opção eficaz de recuperação de conta, pois não deixaram as informações devidamente atualizadas. Para evitar que esse desastre aconteça com o seu blog, saiba o que é importante fazer ainda hoje para não correr esse risco.


O Google oferece três opções de recuperação de conta. E é muito importante que essas opções sejam preenchidas com informações corretas, confiáveis e fáceis de serem lembradas e acessadas. Lembrando, que também é muito importante que você faça o backup do seu blog com regularidade e conheça os limites de uso do Blogger. Nada de colocar um dado que você nunca pensou antes na vida.

1) Atualize o seu e-mail de recuperação


A recuperação de conta por e-mail é um dos meios mais práticos e rápidos para recuperar uma conta. É importante que você configure um e-mail que use com frequência e que seja seguro. Um erro muito comum entre os usuários é configurar endereços de e-mails que não são utilizados e que foram criados recentemente.

Além disso, alguns provedores de e-mail estão cancelando contas que não tiveram acessos nos últimos três meses. Isso significa que, se você configurou um e-mail, por exemplo, do Yahoo ou do Hotmail para recuperar a conta, mas nunca mais entrou nesses e-mails, você corre o risco de, um ano depois, quando precisar recuperar, não ter mais acesso a esse e-mail. Simplesmente, porque a empresa cancelou e disponibilizou novamente para registro. Já vi isso acontecer várias vezes e, por sorte, alguns usuários conseguiram recuperar essas contas do Yahoo ou Hotmail e receber as informações de recuperação da conta do Google.

2) Atualize o seu número de celular


Tem gente que troca de celular que nem troca de roupa. E, normalmente, só descobrimos que a pessoa trocou o número do celular, outra vez, quando mais precisamos falar com ela. Isso já aconteceu com você? Não é por acaso que estamos muito próximos de ter um número de celular para cada habitante no mundo, quer dizer, 7 bilhões de linhas. Além do mais, nunca é demais ter mais de uma opção de recuperação de conta. Ela pode ser útil quando você menos espera! Mas é importante, que o número esteja devidamente atualizado, do contrário, você não conseguirá recuperar a conta por essa alternativa.

3) Se necessário, preencha o formulário


O formulário de recuperação de conta é a opção mais complexa. Chegar nesta etapa, na minha opinião, é quase 99% de chances de não conseguir recuperar o blog. As informações solicitadas precisam ser o mais exatas possíveis, entretanto, são informações que nem sempre temos à mão ou que muito menos temos condições de lembrar. Por exemplo, você consegue responder de cabeça quando foi que criou o seu e-mail de acesso ao blog? Não né! E se você tiver excluído aquele e-mail de boas vindas quando criou a conta, será mais difícil ainda saber o dia, o mês e o ano, desse tão importante evento para o seu blog.
 

Como atualizar esses dados


Faça login na sua conta em accounts.google.com e clique na aba segurança. Em seguida, na caixa de recuperação e alertas, clique para editar:
  • Telefone de recuperação
  • E-mail para recuperação de senha

Manter essas informações atualizadas poderão salvar o seu acesso ao blog. Não deixe para amanhã! Veja qual o e-mail e qual o telefone que estão configurados como opções de recuperação da sua conta. Não conte com a sorte e, muito menos, com a sua memória. Pois as perguntas do formulário são difíceis de acertar com precisão.
Continue lendo ►

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Registro de domínios no Brasil cresce e Registro.br completa 25 anos

O Registro.br é um dos registradores de domínio mais confiáveis e fáceis de usar no Brasil. Quem deseja ter um domínio com.br, net.br, org.br ou blog.br, além de outras opções, dependendo da sua área de interesse e atuação, poderá facilmente comprar seu domínio por R$ 30,00 ao ano.


O domínio .br possui registrados até o momento mais de 3.407.384 domínios, registrados ao longo de 25 anos. Isso mesmo! Em 18 de abril de 1989, Jon Postel do IANA - The Internet Assigned Numbers Authority, transferiu a gestão do domínio .br ao grupo que operava as redes acadêmicas do país. A primeira subdivisão ocorreu em 1991, estabelecendo as extensões org.br, gov.br, com.br, net.br e mil.br. Em 1996, o .br já havia registrado 851 domínios, encerrando o ano em 7.507 registros.

Em 2008 ocorreu uma das decisões mais importantes para os blogueiros, que foi a permissão da compra do domínio com.br por meio do CPF. Até então, só era possível adquirir um domínio com.br por meio de um CNPJ. Com a permissão, ficou fácil a personalização do domínio nacional, sem a necessidade de usar subterfúgios para comprar com o CNPJ ou se enroscar ad eternum com o subdomínio oferecido pela plataforma de blogagem, como o blogspot.com no Blogger.

Entre as vantagens de registrar um domínio no Registro.br estão a possibilidade de registrar por um período superior a um ano, podendo chegar até 10 anos. A simplicidade do painel que permite ao usuário encontrar os locais de configuração de forma rápida, como por exemplo a configuração dos CNAMEs. Nesse aspecto, vale lembrar que o Registro.br reformulou completamente o layout do site este ano, coisa que não era feita a muito tempo.

Além disso, o idioma original está em português. E, o prazo para renovação do domínio não é tão rígido. Se você esquecer por alguns dias além do prazo, pode ser possível recuperar o domínio. Pelo menos foi essa experiência que eu tive. Graças a Deus!

Se você tiver interesse em conhecer um pouco mais do Registro.br, pode acessar esta página de estatísticas para acompanhar o crescimento do registro de domínios no Brasil.
Continue lendo ►

terça-feira, 25 de março de 2014

Erro BX na edição do HTML do Blogger

Vários usuários estão reportando no fórum que não conseguem fazer edições no HTML do Blogger. Ao tentar editar o template aparece um erro BX. E, mesmo depois de seguir todas as orientações sugeridas no artigo, como resolver um erro bx no Blogger, o problema não é resolvido.



É possível que este erro esteja sendo causado pelo Gadget seguidores. Há algum tempo algumas funcionalidades relacionadas a este gadget não funcionam regularmente, apresentando pequenas inconsistências na sua execução. Que, dependendo da importância que esse ele tem para o blogueiro, pode ser uma dor de cabeça.

A lista de leitura do feed do Blogger é baseada no gadget seguidores do Google Friend Connect, que não recebe atualização há um bom tempo. É por isso, que essa lista pode apresentar algumas instabilidades, já que a plataforma do Blogger vem sendo atualizada. Sempre recomendo que o ideal é acompanhar o blog por um leitor de feeds como o Feedly, assim você não ficará na dúvida se as suas postagens estão ou não sendo enviadas para o feeds.

Entretanto, para resolver o problema da edição pelo HTML estamos recomendando a exclusão do gadget. Principalmente, se ele foi adicionado pelo HTML ou usando o gadget HTML/JavaScript. Depois de realizar este procedimento, alguns blogueiros conseguiram editar novamente o HTML do blog.

Se você tiver interesse em acompanhar a discussão no fórum, acesse esse tópico.

Qualquer novidade, voltaremos a atualizar este artigo. E você, teve problemas com a edição do HTML? Conseguiu resolver removendo o gadget seguidores?
Continue lendo ►

terça-feira, 18 de março de 2014

Como resolver um erro BX no Blogger


Que usuário no Blogger nunca viu um erro BX? Vira e mexe eles aparecerem e, em cada exibição, um código diferente é gerado. Mas sempre que aparecem é sinal de que algo não está muito certo. Isso pode estar relacionado ao código do template do blog, ao navegador, a atividade que o usuário está tentando realizar e, até mesmo, à própria plataforma do Blogger, que sempre passa por atualizações para melhorias e correções de pequenos erros. Mas, é importante saber, que com ações rápidas e super fáceis de serem realizadas, você conseguirá resolver a grande maioria deles.



Casos específicos em que o erro BX pode aparecer


Troca de template: alguns usuários já reportaram o erro quando foram alterar o template do blog. Por isso, é importante mudar o template da maneira correta.

Edição do HTML: Editar o HTML do blog requer cuidado, atenção e certeza do que está sendo feito. Qualquer alteração mal executada poderá afetar o blog. Mas, alguns usuários, também podem receber a exibição do erro BX quando tentam fazer alguma alteração. Por isso, saiba tudo sobre o novo editor HTML do Blogger.

Criação de páginas estáticas: Ao exceder o limite de páginas do Blogger, principalmente, quando o usuário fez a importação do blog de outra plataforma, o erro BX também pode aparecer.

Postagens pelo Safari: Recentemente, os usuários de Macs, iPhones e iPads não conseguiam fazer posts por meio do Safari nesses dispositivos. Sempre que o usuário tentava criar um artigo, o erro BX era exibido.

Como resolver um erro BX


Na grande maioria das vezes esses erros são temporários e possíveis de corrigir com simples ações. Como por exemplo:

1. Limpeza de cache e cookies (completa): ao limpar o cache e os cookies do navegador, você estará eliminando qualquer interferência ou impedimento que eles possam causar a ações específicas no seu blog. http://goo.gl/x0r9s

2. Use outro navegador: Se um navegador está com problema e não permite que você execute ou conclua determinada tarefa, trocá-lo pode ser uma alternativa. Por exemplo, conforme mencionei acima, os usuários não estavam conseguindo postar pelo Safari. Nesse caso, usar outro navegador pode corrigir o problema. Já que esses erros BX são temporários. Além disso, o Internet Explorer não é muito compatível com o Blogger. Vira e mexe há algum problema específico de erro BX relacionado a este navegador.

3. Use o modo de navegação anônima: É comum o uso de extensões nos navegadores. Elas auxiliam em várias atividades na internet, mas também podem gerar algumas incompatibilidades com outras tarefas. Por isso, vale a pena testar o uso da navegação anônima. Esta opção impede o registro dos caches e cookies e desabilita a execução dessas extensões.

4. Habilite o modo de rascunho no Blogger: Outra alternativa viável é a ativação do Blogger in Draft. Você pode acessar diretamente por meio deste link ou configurar no painel do Blogger, para que sempre que acessar, já acesse por meio desta versão.


Os problemas que estiverem relacionados a qualquer interferência do navegador poderá ser facilmente corrigida com as dicas acima, até mesmo os erros que aparecem após uma atualização da plataforma. Contudo, se o problema persistir, talvez seja o momento de dar uma olhadinha no fórum do Blogger e verificar se mais alguém também está com o mesmo problema.

Por via de regra, eles são temporários. Mas, pode acontecer de alguns estarem relacionados a outros problemas e demorarem um pouco mais para serem resolvidos pela equipe do Blogger.

E você, está com algum erro BX aparecendo com frequência no seu blog?
Continue lendo ►

segunda-feira, 17 de março de 2014

Como compartilhar arquivos no Blogger

Um dos desejos mais antigos dos usuários do Blogger, é que a plataforma oferecesse um serviço de hospedagem de arquivos. Há alguns meses atrás, eu e a Pri tivemos a oportunidade de conversarmos com um engenheiro do Blogger e fizemos essa solicitação, porém a recomendação dele foi que usássemos o serviço Google Drive. Então, pessoal, por enquanto nada de serviço de hospedagem nativo no Blogger.

O Google Drive aceita diversos tipos de arquivos: PDF (.pdf), Word (.doc, .txt), Excel (.xls), Power Point (.ppt) entre outros. Segundo consta na Central de Ajuda do Google Drive, os usuários podem fazer o upload de qualquer tipo de arquivo, incluindo arquivos executáveis (.exe ou .vbs, por exemplo) e compactados.

Antes de mais nada é preciso criar ou enviar ao Google Drive o arquivo que será compartilhado no Blogger. Na imagem abaixo, vemos o painel do Drive e as opções "criar" e "fazer upload":
Caso você não saiba como usar o Google Drive, acesse os seguintes artigos:
  1. Manual do Google Drive
  2. Central de Ajuda do Google Drive
Uma vez inserido ou criado o arquivo, clique na caixinha que fica do lado esquerdo do nome do arquivo, depois clique em "mais" e em "compartilhar" e em "compartilhar" novamente.

A seguir, abrirá um pop up, com uma URL. Para que o arquivo possa ser compartilhado, é preciso deixá-lo público. Para tanto, onde está escrito "particular" devemos clicar em "alterar" e escolher a opção "público na web". Clique em "salvar"

Copie a URL disponibilizada e coloque em seu post no Blogger.
O que o Drive, teoricamente, não faz é disponibilizar o arquivo para download. Ele disponibiliza apenas para visualização. Veja um exemplo com o nosso tradutor.

Mas nesta semana, quando eu estava rascunhando este post, o mestre Aparecido Rosário postou uma forma de colocar os arquivos do Drive para serem baixados! Acessem o post dele:

Como colocar arquivos para download no Blogger
Continue lendo ►